Tagged: espaço público Toggle Comment Threads | Atalhos de Teclado

  • Vinicius Massuchetto 10:57 on 19 October, 2011 Permalink |
    Tags: , , , , espaço público, , ,   

    Bicicletada Extra 23/10: Por Uma Ciclofaixa de Verdade! 

    Enfim, após anos de Bicicletada reivindicando investimento em estrutura para a mobilidade urbana, é com muita insatisfação que recebemos a primeira proposta do poder público para a Bicicleta.

    A nova ciclofaixa que será inaugurada no próximo dia 23/10 possui 4 km de extensão, não tem um plano de metas apresentado em seu projeto de expansão, trata-se de um circuito fechado no centro da cidade, e o pior: funcionará somente uma vez por mês.

    Lembramos que as ciclovias de Curitiba possuem um papel recreativo, e não interligam os pontos de grande trânsito da cidade, além de se encontrarem em péssimo estado de conservação.

    Com isso, a atual estrutura cicloviária (esta ciclofaixa mais as ciclovias) não favorece substancialmente um projeto de mobilidade urbana sustentável, que venha a fazer com que as pessoas definitivamente usem a bicicleta no cotidiano para se locomover de modo geral nas atividades do dia a dia.

    Por este motivo chamamos esta Bicicletada Extra concomitante à inauguração da ciclofaixa. Queremos mostrar que é preciso muito mais investimento e dinamismo para fazer com que a cultura da bicicleta dê mesmo certo em Curitiba.

    Compareça! Venha participar deste protesto pacífico com muito bom humor! Venha de bicicleta ou qualquer outro meio de transporte não motorizado. Vamos mostrar que estamos de olho no que a prefeitura anda fazendo!

    Ajude a Divulgar Pela Web

    Anúncios
     
    • George 13:14 on 19 Outubro, 2011 Permalink | Inicie a sessão para responder

      Isso aí!!!
      TEm que ir pro pau com estes caras! Bicicleta não é brinquedo nem ciclista é palhaço. O Luciano Ducci só pensa em reeleição. Por que esta gente não respeita os cidadão???? Com quantas mentiras se faz uma capital sustentável? Pergunta pro prefeito.

    • Eduardo Habkost 22:23 on 19 Outubro, 2011 Permalink | Inicie a sessão para responder

      Suponho que a idéia seja ser fazer um trajeto alternativo e não na falsa ciclofaixa, certo? Meu medo é que o comparecimento da bicicletaa em peso faça parecer que a “inauguração foi um sucesso”.

      • Vinicius Massuchetto 23:19 on 19 Outubro, 2011 Permalink | Inicie a sessão para responder

        Na verdade estamos até considerando o fato de ocupar a ciclofaixa de certa maneira, pois é lá que estarão os ciclistas de passeio e as autoridades de quem queremos chamar a atenção.

        Para não dar essa ideia de unidade que você falou estamos também procurando fazer cartazes, ir com nariz de palhaço, apitos e esse tipo de coisa.

        Se bem que, dependendo da proporção da Bicicletada, vai ser difícil ocupar a ciclofaixa. =D

        • Eduardo Habkost 09:25 on 20 Outubro, 2011 Permalink

          É que para a prefeitura divulgar como sucesso só importam os números (“centenas de ciclistas participam da inauguração!”). Por outro lado, se manifestar durante a inauguração é bom.

          Eu não sei se vou poder ir, mas se fosse eu iria propor começar o trajeto na ciclofaixa e depois de algumas quadras tomar outro caminho e convidar os ciclistas que não conheciam a bicicletada para nos acompanhar.

    • goura 21:52 on 20 Outubro, 2011 Permalink | Inicie a sessão para responder

      Dá pra fazer a ciclofaixa de verdade.
      A galera andando em linha, acompanhando o mesmo circuito da tal ´ciclofarsa´, só que na rua, no lado direito, respeitando o CTB, como tem que ser. Sem a fiscalização, sem cone de proteção, sem o circo armado. Isto seria bem interessante. Por um longo tempo. Os mesmos 4km. De boa.
      Seria um ganho moral!!!

      Ah . . . e tem que sair mais cedo.
      O Ducci vai estar lá às 8hs!!!!

      Atualizar o horário pra geral!!!

      • marcelo 06:11 on 21 Outubro, 2011 Permalink | Inicie a sessão para responder

        discordo, lado direito só em vias de mão dupla. Onde no CTB diz que em vias de mão simples deve circular a direita? Tenho vários problemas quando circulo na cidade nos bordos da pista de rolamento pelo lado esquerdo, simplesmente porque do lado esquerdo muitas vezes não tem ônibus ou porque vou virar a esquerda na próxima esquina.

    • Sandro 21:59 on 20 Outubro, 2011 Permalink | Inicie a sessão para responder

      é extremamente importante que haja algum tipo de “caracterização do grupo” todos de preto alguma cor… sei lah… isso daria sensação de “unidade”…. caso contrario realmente as fotos que vao sair no jornal vão ser com titulos de “total sucesso” do evento…levar tinta guaxe e pintar os protestantes de vermelho no rosto ou preto em protesto… sem falar em uma panfletagem de conscientização… essencial…

    • Eduardo Habkost 22:00 on 20 Outubro, 2011 Permalink | Inicie a sessão para responder

      Idéia genial. 🙂

      Imagino que mesmo sem combinar previamente vai ter gente que vai aparecer na inauguração 8h para se manifestar. Depois disso o grupo que esteve lá pode passar na reitoria 10h para buscar o restante que não soube do horário mais cedo.

    • Black__angel 00:28 on 23 Outubro, 2011 Permalink | Inicie a sessão para responder

      Realmente axo q a midia manipulará de forma errada a manchete deste evento… assim como li no jornal “metro”, q a ciclovia iria funcionar em horarios edias determinados… so aqui q eu fiquei sabendo q é somente um dia por mes

  • bicicletadactba 13:55 on 4 August, 2011 Permalink |
    Tags: , , , , , , espaço público, , , , ,   

    Setembro é o mês da bicicleta em Curitiba e pode-se fazer alguma coisa 

    Já virou tradição, setembro é o mês da bicicleta em Curitiba, 22 de setembro é o dia sem carro, e a Arte, Bicicleta, Mobilidade agita a galera de muitos coletivos produtores de atividades criativas.

    A ideia é a mobilização da cidadania por uma cidade mais humana e sustentável, onde evidentemente se insere a bicicleta, até como um fio condutor.

    Abaixo segue e-mail que circulou na lista da Cicloiguaçu, com um convite para criação de algum evento. Enviar propostas até 10 de agosto. Pode mandar para o bicicletadacuritiba no gmail.com que a gente repassa a quem de direito.

    Não custa relembrar, todas as atividades são voluntárias, sem remuneração, e os proponentes são inteiramente responsáveis pela realização de suas propostas.

    A gratificação é a criação, a participação, a integração, o sentimento de ter direitos sobre a cidade e de pertencimento recíproco, deixando de ser mero representado para tornar-se ativo cidadão.

    Aproveito também para adiantar que estamos recebendo propostas para integrar o calendário de atividades do MÊS da Bicicleta – Setembro de 2011.

    Repassem a chamada e mandem as suas.
    Enviar para o e-mail: []
    Prazo de envio: 10 de agosto
    Os proponentes são inteiramente responsáveis pela realização de suas propostas.

    Já tem algumas coisas:Desafio Intermodal, Ciclo de Palestras, Marcha das 1000000 bikes, oficinas de criação de veículos fantásticos, de manutenção de bicicletas, de serigrafia, festas, performances do Música para Sair da Bolha, Pedalada ao Anhangava, Ciclecine and on and on and on . . . . Até a prefeitura está propondo a Ciclofaixa de Lazer estreando no dia 25!!

    Se vc tem, digamos, uma proposta de palestra – ela pode integrar o ciclo de debates que vai rolar na Reitoria da Federal. Proposta de filme – Manda!  Música – manda!  Festa – manda!  Leitura de poemas – manda!  Pedaladas diversas – manda tbem!

    Vamos tentar criar algo diverso e que expresse a riqueza de perspectivas da cultura da bicicleta.

    A ação é coletiva.

    Então, setembro vai ter um monte de atividades, e logo em outubro “os Paulista” virão para o Encontro das Bicicletadas no sábado dia 1º e descida da Graciosa no domingo 2/out.

     
  • Vinicius Massuchetto 14:23 on 4 May, 2011 Permalink |
    Tags: , espaço público,   

    É o fim do mundo! 

     
  • bicicletadactba 21:44 on 6 March, 2010 Permalink |
    Tags: Bem-estar, , , espaço público, , , Retomada das ruas | Tags: ciclovia, Ruas sem carros,   

    Ruas sem carro … 

    Só que é em Quito, capital do Equador.

    Ruas sem carro

     
  • Peters 12:26 on 11 September, 2009 Permalink |
    Tags: , , espaço público, , , Mês da bicicleta,   

    Dia de Bicicletada e Real Coletivo Dub! 

    Hoje é dia de performance na Bicicletada.  Também é dia de performance na Música para Sair da Bolha 11/9/2009 , com o Real Coletivo Dub, na grade sobre grade!

    A escultura "grade sobre grade" será palco para os músicos do Real Coletivo Dub.

    A escultura "grade sobre grade" será palco para os músicos do Real Coletivo Dub.

    Foto: notícia do Paraná Online.

     
  • Luis Patricio 12:48 on 23 May, 2009 Permalink |
    Tags: , , , espaço público, ,   

    Ruas sem carro 

    Exemplos de ruas sem carro pelo Brasil e pelo mundo:

    CicloRecreoVia

    CicloRecreoVia

    • Brasília: eixão, todo domingo o dia inteiro
    • Rio de Janeiro: praia de copacabana, todo domingo o dia inteiro
    • Bogotá: centenas de quilômetros no centro da cidade, todo domingo o dia inteiro
    • Chile: em dois locais diferentes somando mais de 10km, aos domingos pela manhã

    Sugestão de ruas sem carro em Curitiba:

    • Largo da Ordem:  já existe um fluxo bem grande de pedestres na feira de domingo. As ruas que cortam a feira deveriam ser interditadas pelo menos até as 14:00, horário de encerramento da feira.
    • Sete de Setembro (em frente ao Mercado Municipal):  seria uma excelente área a céu aberto num local com tanta concentração de gente. Poderia até estimular alguns serviços para os usuários ali na rua.
    • Augusto Stresser (entre Fernando Amaro Fernandes de Barros e Atílio Borio): esse trecho oferece bastante serviços e poderia ser uma grande praça de diversão aos domingos
    • Visconde de Guarapuava ou Silva Jardim: avenidas corredores no centro da cidade. Dariam ótimos parques lineares e pistas de passeio e corrida.

    Faltam alguns meses para o mês da bicicleta. Seria uma bela surpresa se finalmente Curitiba adotasse ruas sem carro regularmente.

    Qual desses você acha a melhor opção? Alguma sugestão ?

     
  • bicicletadactba 11:01 on 30 March, 2009 Permalink |
    Tags: , , , espaço público   

    Cenas de Curitiba II 

    Flagrantes da semana que passou.

     

    imagem178

    Presidente Taunay, próximo ao bar Sláinte.

     

    imagem179

    imagem185

    Carlos de Carvalho, em frente às lanchonetes The Sub’s e Au Au.

    imagem164

    Trecho da “ciclovia” da Pedro Gusso. Ciclovia, calçada ou… estacionamento?!

     

    Cenas de Curitiba I

     
    • Paulo Roberto Rodachinski 13:47 on 30 Março, 2009 Permalink | Inicie a sessão para responder

      Tá certo, tem que estacionar o carro na calçada mesmo, senão atrapalha o “trânsito”……..

    • Luiz Iurk 08:34 on 31 Março, 2009 Permalink | Inicie a sessão para responder

      Pessoal, URGENTE! Por favor divulguem:
      A prefeitura de curitiba está realizando o orçamento para 2010, então eles estão solicitando que se envie 3 sugestões de mudança para a cidade, óbviamente que não tem ciclofaixa, mas tem ciclovias (espero que não seja “ciclovias”). O link é: http://loa.curitiba.pr.gov.br

      Por favor mandem o máximo de sugestões para melhoria do trânsito.Abraço

  • bicicletadactba 19:10 on 14 July, 2008 Permalink |
    Tags: espaço público, vagaviva   

    Ruas são salas de estar ou estacionamentos ? 

    Dentre os muitos males gerados pela cultura do automóvel está a desintegração do tecido urbano.

    Qualquer grande cidade está familiarizada com vias rápidas e congestionadas. Essa é uma das formas mais eficientes de espantar pessoas e destruir o convívio social. Afinal, quem quer conviver no meio da fumaça, do barulho e do perigo de acidentes.

    Para tentar contornar esses problemas, as pessoas optam basicamente por duas saídas:
    1) Morar bem longe num lugar mais saudável
    2) Evitar a rua a todo custo (do condomínio fechado para o carro e daí para o shopping ou escritório).

    É de se imaginar que uma prática tão onerosa, não deveria ser comum nas cidades. No entanto, apesar de carregar somente 20,5% das pessoas, os carros ocupam 58,3% do espaço viário. E em alguns bairros inteiros de Curitiba, mais de 50% de todo o solo é dedicado ao carro (estacionamentos, garagens, postos de gasolina, locadoras, revendas, oficinas, lojas de auto-peças, borracharias, auto-escolas …).

    Gerando mais um problema. Distância. Com tanto espaço subutilizado. Os serviços e produtos são cada vez mais inacessíveis para pessoas que se deslocam a pé, usam transporte coletivo ou bicicleta.

    Isso tudo de acordo com a lei !!
    Você acha que as ruas são públicas? O Código nacional de trânsito determina a quem pertence cada espaço. E apenas os veículos têm direitos as ruas. Os pedestres devem se ater ao espaço reduzido das calçadas.

    Reclaim the streets …

     
    • Gunnar 16:28 on 15 Julho, 2008 Permalink | Inicie a sessão para responder

      A grande ironia é que as “saídas” 1 e 2 para contornar o problema, no fundo apenas contribuem para piorar tudo.

      Abandono do espaço urbano gera desintegração do tecido urbano que gera abandono que gera desintegração… é um ciclo vicioso.

    • Lívia Araújo 20:54 on 15 Julho, 2008 Permalink | Inicie a sessão para responder

      Isso quando os carros não usam o próprio espaço das calçadas para estacionamento.

  • bicicletadactba 09:51 on 14 July, 2008 Permalink |
    Tags: espaço público   

    2ª Vaga Viva de Curitiba 

    No dia 14 de julho fizemos a segunda Vaga Viva em Curitiba na Rua Voluntários da Pátria.

    Ficamos das 10:30 as 12:30. Foram momentos de descontração, conversa e música.

    Sala de EstaR

    Sala de EstaR

    Alguns curiosos até encostavam para perguntar do que se tratava mas ninguém quis dividir o espaço com a gente

     
c
Compose new post
j
Next post/Next comment
k
Previous post/Previous comment
r
Responder
e
Editar
o
Show/Hide comments
t
Go to top
l
Go to login
h
Show/Hide help
shift + esc
Cancelar
%d bloggers like this: