20 anos de Massa Crítica: cidades para quem?

Setembro, mês da bicicleta em Curitiba. Alguém instituiu, não sei quem fomos. 22 de setembro, Dia Mundial Sem Carro. Os franceses lançaram a data em 1997. Última sexta-feira do mês, dia de Bicicletada (aqui é no sábado, eita Curitiba). E a primeira edição foi em San Francisco, há exatamente 20 anos. Viva a Massa Crítica! Viva a formação de uma quantidade mínima de indivíduos necessária em um sistema social para que este possa se tornar auto-sustentável!

Neste sábado celebraremos a data com uma pedalada até o Alto da Glória para questionar a retirada de uma pracinha para a passagem de uma via rápida:

Os Curitibanos sabem muito bem que a cidade, um dia conhecida pela sua tranquilidade, não é mais a mesma. O aumento da população é uma característica da modernidade, mas algumas das consequências negativas deste crescimento urbano, como o trânsito engarrafado e o desrespeito em relação ao pedestre, ao ciclista e ao transporte público são resultado de políticas públicas que valorizam o transporte individual, o carro. É por isso que elegemos a praça do Alto da Glória, como símbolo de defesa do espaço público, tranquilo, que valoriza o convívio entre as pessoas e a brincadeira das crianças a céu aberto. Acreditamos numa política que priorize a cidade feita para PESSOAS. — Bruna Ruano

Então que tal você vir pedalar conosco rumo ao centésimo macaco? 🙂

 

Anúncios